Segunda, 17 de Janeiro de 2022
25°

Pancada de chuva

Guajará-Mirim - RO

Polícia POLÍCIA

Bolívia: Um brasileiro é morto a tiros e um guajaramirense está gravemente ferido

Dois brasileiros foram alvos de vários disparos na cidade de Guayaramerín-Beni/ Bolívia, fronteira com o município de Guajará-Mirim/RO.

13/01/2022 às 17h17 Atualizada em 13/01/2022 às 17h28
Por: João Teixeira Fonte: Rondoniaovivo/O Mamoré
Compartilhe:
Divulgação
Divulgação

Dois brasileiros foram alvos de vários disparos na cidade de Guayaramerín-Beni/ Bolívia, fronteira com o município de Guajará-Mirim/RO.

Um morador de Porto Velho (RO) morreu após troca de tiros em na noite de quarta-feira, 12. Ele foi identificado como o ex-presidiário Fábio Rodrigues Maia Couto, 44 anos. Com tiros que acertaram a cabeça e o tórax.

As informações iniciais são de que o homem morava no bairro Mocambo, na região Central da capital.

Conhecido como "Fabinho Cara de Osga" acabou morto com tiros de fuzil. Ainda não se tem informações confirmadas das circunstâncias da morte.  Porém, há relatos de que o ex-presidiário teria sido morto após troca de tiros.  

A reportagem do jornal e site O Mamoré apurou que outro brasileiro natural do município de Guajará-Mirim, alcunha "Sabão" foi transferido de Guayaramerín para ao Pronto Atendimento do Hospital Regional em torno de 05 perfurações pelo corpo, sendo atendido pela equipe plantonista. O corpo de "Fabinho Cara de Osga" também foi entregue no necrotério de Guayaramerin.

Ao Jornal chegou a notícia que a Polícia Boliviana foi informada que um brasileiro teria trocado tiros e também que a motivação dos disparos deve-se a uma dívida de 160 mil reais.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.