Sexta, 19 de Julho de 2024
15°C 33°C
Guajará-Mirim, RO
Publicidade

MPRO deflagra "Operação Persistere" em Nova Mamoré

O nome da operação, “PERSISTERE”, significa “algo que persiste”, o que remete à conduta reiterada, destemida e acintosa à Justiça do investigado

23/11/2023 às 18h25 Atualizada em 25/11/2023 às 20h07
Por: João Teixeira Fonte: Fonte: Gerência de Comunicação Integrada (GCI)
Compartilhe:
Divulgação
Divulgação

O Ministério Público de Rondônia, por meio de seus Grupos de Atuação Especial do Meio Ambiente (GAEMA) e de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), e a Promotoria de Justiça de Guajará-Mirim, com o apoio da Polícia Militar do Estado de Rondônia, deflagraram na manhã desta quinta-feira (23/11), a operação “Persistere”, ocorrida na região de Nova Mamoré/RO.

A operação tem como objetivo dar cumprimento a mandados de prisão preventiva, busca e apreensão e quebra de sigilos telefônicos e telemáticos, expedidos pela Justiça de Guajará-Mirim em desfavor de um investigado que utilizava área do Parque-Estadual Guajará-Mirim como se sua propriedade fosse.

De acordo com o apurado, o investigado, mesmo com a operação Mapinguari em andamento, que busca coibir as invasões ocorridas no Parque Estadual Guajará-Mirim, não obstante já estar respondendo a dois processos por crimes ambientais praticados em desfavor dessa mesma Unidade de Conservação, voltou, por mais de uma vez, a permitir que parte de seu rebanho tivesse livre acesso ao interior da área de especial preservação, acarretando significativos danos ambientais e incorrendo em graves crimes ambientais.

A operação, desencadeada pelo Ministério Público do Estado de Rondônia, foi coordenada pelo GAEMA, GAECO e pela Promotoria de Justiça de Guajrá-Mirim, e contou com o apoio da Polícia Militar do Estado de Rondônia, por meio do Batalhão de Polícia Ambiental.

O nome da operação, do latim “PERSISTERE”, significa “algo que persiste”, o que remete à conduta reiterada, destemida e acintosa à Justiça do investigado, que por várias vezes, mesmo respondendo a processo crime por fatos da mesma natureza, e ainda com a Operação Mapinguari em andamento, continuou desafiando a ordem pública e a persistir na prática criminosa no local, causando significativos danos ambientais.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Guajará-Mirim, RO
22°
Tempo limpo

Mín. 15° Máx. 33°

22° Sensação
0.39km/h Vento
50% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
07h40 Nascer do sol
07h14 Pôr do sol
Sáb 36° 18°
Dom 38° 19°
Seg 38° 21°
Ter 39° 21°
Qua ° °
Atualizado às 22h29
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,54 -0,08%
Euro
R$ 6,04 -0,08%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,71%
Bitcoin
R$ 377,178,36 +0,55%
Ibovespa
127,652,06 pts -1.39%
Publicidade
Publicidade