Sexta, 19 de Julho de 2024
15°C 33°C
Guajará-Mirim, RO
Publicidade

80 QUILOS – Militar da reserva resolve empreender no tráfico da cocaína; seu comparsa está preso, ele, procurado

Há tempos que agentes do Denarc desconfiavam da intensa movimentação de um grupo de pessoas em Guajará-Mirim e Porto Velho

30/06/2024 às 11h40 Atualizada em 02/07/2024 às 17h31
Por: João Teixeira Fonte: Fonte: Expressaorondonia
Compartilhe:
Divulgação
Divulgação

GUAJARÁ-MIRIM – Um militares da reserva remunerada resolveu empreender, após deixar a corporação, mas optou exatamente por um segmento que ele tinha a missão de combater quando na ativa: o tráfico de drogas. Assim, o comparsa do militar está preso e ele está sendo procurado pelos policiais do Denarc, o departamento de narcóticos da Polícia Civil de Rondônia. Na busca e apreensão cumprida na casa do militar, em um condomínio de médio padrão da Zona Sul de Porto Velho, mais de 80 quilos de drogas foram apreendidos. Na casa pertencente ao militar da reserva, agentes do Denarc encontraram cerca de 75 de cocaína e quase seis quilos de maconha. 

O militar dona da casa não foi localizado, mas, no local, além da droga foram encontrados seus documentos e alguns pertences.

O comparsa do militar aposentado recentemente – que seria o ‘correria’ do dona da droga e da casa – foi preso em sua casa, também no mesmo condomínio.

Há tempos que agentes do Denarc desconfiavam da intensa movimentação de um grupo de pessoas em Guajará-Mirim e Porto Velho. Não demorou e os investigadores perceberam que se tratava de um grupo organizado para o tráfico de drogas, a partir da ‘Perola do Mamoré’.

Certos de que se tratava de mais uma quadrilha agindo no tráfico de entorpecentes, agentes do Denarc resolveram agir, na tarde desta sexta-feira e a casa caiu para os traficantes que atuava na região de Guajará-Mirim. Na batida a uma residência de um condominio na Zona Sul da capital, os policiais da Narcóticos encontraram os documentos de um policial militar aposentado, que de acordo com as investigações seria o responsável pelo armazenamento das drogas.

Os mandados foram cumpridos em vários endereços, dentre eles, o da residência do policial da reserva, que fica num condomínio localizado na Zona Sul, onde foram encontrados mais de 80 quilos de entorpecentes na casa do policial. Já o comparsa Felipe J. R. D. foi preso em sua casa, no mesmo condomínio.

O Denarc chegou aos traficantes a partir de investigações auxiliado pelos agentes que atuam na fronteira coam a Bolívia, que vinha monitorando a quadrilha que agia no transporte das drogas em grande quantidade para Porto Velho.

Agora, os investigadores do Denarc trabalham para localizar e prender o outro militar reformado, que seria o responsável pelo armazenamento da droga em Porto Velho.

Com informações da Assessoria de Imprensa
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Guajará-Mirim, RO
22°
Tempo limpo

Mín. 15° Máx. 33°

22° Sensação
0.39km/h Vento
50% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
07h40 Nascer do sol
07h14 Pôr do sol
Sáb 36° 18°
Dom 38° 19°
Seg 38° 21°
Ter 39° 21°
Qua ° °
Atualizado às 22h29
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,54 -0,08%
Euro
R$ 6,04 -0,08%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,71%
Bitcoin
R$ 377,506,04 +0,64%
Ibovespa
127,652,06 pts -1.39%
Publicidade
Publicidade